By

Nota de falecimento – Da. Maria Edite de Melo

“Beati mortui qui in Domino moriuntur”. “Bem-aventurados os mortos que morrem no Senhor” (Apoc 12, 13). De fato, para aqueles que vivem na graça de Deus, a morte não consiste num desastre, mas numa passagem para a verdadeira vida. Que vida? A vida eterna, a plena participação na Vida da Santíssima Trindade, contemplando-A em Sua inefável essência, conhecendo-A e amando-A. Nisso consiste o mais elevado prêmio dos que alcançam a salvação.

Felizes, realmente felizes são aqueles cujas almas entregam-se ao Senhor isentas de toda culpa grave! Mesmo que passem algum tempo no Purgatório, irão desfrutar de tantos esplendores, de tantas castas e suaves delícias! …

Com pesar e saudade, anunciamos aos que acompanham este blog o passamento de Da. Maria Edite de Melo, dedicada cooperadora dos Arautos do Evangelho, a qual entregou sua alma a Deus na madrugada de quarta-feira, 19 de abril de 2017. A todos pedimos orações pelo descanso eterno de sua alma.

By

Retiro para jovens na Semana Santa

13 a 16 de abril de 2017

Durante os dias do Tríduo Pascal, em que a Igreja celebra em sua liturgia a Paixão, Morte e Ressurreição do Senhor, um grupo de jovens participou de um retiro realizado pelos Arautos do Evangelho.

As reflexões foram ministradas pelo Pe. Roberto José Merizalde Escallón, EP, professor do seminário dos Arautos do Evangelho.

“Christianus alter Christus” (O cristão é um outro Cristo). As reflexões sobre a Paixão, Morte e Ressurreição do Salvador mostraram os jovens participantes o caminho que todo cristão deve seguir. O cruz não é o termo final, mas o caminho necessário para se chegar à eterna bem-aventurança.

A cada dia, os jovens participaram das cerimônias do Tríduo Pascal, realizadas na sede dos Arautos do Evangelho.

By

Amigo da Cruz: a verdadeira alegria nasce da dor

14 a 16 de abril de 2017

Durante os dias do Tríduo Pascal, cooperadores e simpatizantes dos Arautos do Evangelho participaram em Recife de um retiro espiritual.

Com o tema “Amigo da Cruz: a verdadeira alegria nasce da dor”, o retiro foi pregado pelo Ir. Sérgio Ueda, EP, doutor em Filosofia.

Sacerdotes estiveram disponíveis para o atendimento de confissões. A cada dia, o retiro era coroado com a cerimônia litúrgica própria para a data.

 

By

Semana Santa – O triunfo, a cruz e a glória

Vigília Pascal - Sede dos Arautos do Evangelho - Recife

Vigília Pascal

A Liturgia é ocasião para receber as mesmas graças criadas e distribuídas por Deus ao povo que lá se encontrava

A conjunção da entrada triunfal do Divino Redentor em Jerusalém e dos sofrimentos de sua dolorosa Paixão nos lembram que a perspectiva da cruz está sempre nimbada pela certeza da glória futura.

(Mons. João Scognamiglio Clá Dias, Revista Arautos do Evangelho nº 184)

A liturgia da Semana Santa na sede dos Arautos do Evangelho contou com a participação de grande número de fiéis. Na belíssimas cerimônias elaboradas pela Igreja para esse período, os fiéis puderam como que “acompanhar” a Nosso Senhor, desde a sua entrada em Jerusalém no Domingo de Ramos passando por Paixão e Morte na Sexta-Feira Santa e, finalmente, acompanhando-o em sua gloriosa Ressurreição.