By

Tríduo Pascal na sede dos Arautos em Recife

29 de março a 1º de abril de 2018

Vigília Pascal – Cântico do “Exultet”

A vida dos homens e a sua ação neste mundo terminam-se com a morte; mas, ao contrário, a vida de Jesus e o seu reinado na Terra começam no momento em que morre pela salvação do mundo. Naquele dia, seu Pai investiu na realeza sobre essa raça de Adão, que Jesus acabava de arrancar à morte e ao inferno. E por isso, a cruz, que foi o instrumento da sua vitória, tornar-se-á o estandarte do seu reinado, “vexillla regis”, e por ela vencerá a todos os povos: Judeus, Romanos e Bárbaros. E eis aí porque Jesus suspirava pelo batismo de sangue: “Quando for levantado entre o céu e a terra, dizia Ele, hei-de atrair tudo a mim. ”[1]

Grande número de fiéis participou das celebrações do Tríduo Pascal na sede dos Arautos do Evangelho, em Recife. Na Quinta-Feira Santa, a Liturgia da Igreja relembra a instituição da Eucaristia e do Sacerdócio. Ao mesmo tempo, no final da Missa, o altar é despojado de todos os ornamentos, símbolo da traição de Judas, do abandono dos apóstolos e do início da Paixão. Na Sexta-Feira Santa foi cantado o Evangelho da Paixão e realizada a adoração à Santa Cruz, instrumento de nossa Redenção. Finalmente, na Vigília Pascal é lembrada gloriosa Ressurreição do glorioso triunfo do Salvador e o seu triunfo definitivo sobre o pecado e a morte, conforme comenta o professor Plínio Corrêa de Oliveira: “A Santa Igreja se serve das alegrias, vibrantes e castíssimas da Páscoa, para fazer brilhar aos nossos olhos, mesmo nas tristezas da situação contemporânea, a certeza triunfal de que Deus é o supremo Senhor de todas as coisas, de que seu Cristo é o Rei da glória, que venceu a morte e esmagou o demônio, de que a sua Igreja é rainha de imensa majestade, capaz de se reerguer de todos os escombros, de dissipar todas as trevas, e de brilhar com mais luzidio triunfo, no momento preciso em que parecia aguardá-la a mais terrível, a mais irremediável das derrotas.” [2]

[1] Berthe, A., “Jesus Cristo – Sua vida, sua paixão, seu triunfo”, Einsiedeln, 1925, p. 421, 430-432.

[2] Corrêa de Oliveira, Plínio. “Páscoa”, in “O Legionário”, nº 660, 1/4/1945

By

Semana Santa – Horários das Celebrações Litúrgicas

Confissões: Haverá atendimento de confissões uma hora antes das cerimônias. Não haverá atendimento de confissões durante as celebrações.

Pedimos a todos para trazerem velas, na Missa da Vigília Pascal.

By

No bairro do Cajueiro Seco, Projeto Futuro e Vida no Centro Educacional Sabin

21 de março de 2018

Os Arautos do Evangelho foram recebidos com muita alegria pelos professores e alunos do Centro Educacional Sabin, no bairro do Cajueiro Seco, em Jaboatão dos Guararapes (PE).

Foi realizado um concerto-palestra onde foi mostrado aos estudantes a importância de valores como o respeito, a disciplina e a alegria.

O evento foi encerrado com um momento de oração e a coroação da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima.

Veja as fotos a seguir.

By

Alunos do Colégio Múltiplo Ensino participam do Projeto Futuro e Vida

13 de março de 2018

Projeto Futuro e Vida, dos Arautos do Evangelho, no Colégio Múltiplo Ensino

Dentre as atividades de evangelização e formação da juventude, realizadas pelos Arautos do Evangelho, destaca-se o “Projeto Futuro e Vida“. Utilizando como recursos a música, o esporte e as artes cênicas, os Arautos do Evangelho visam colaborar com os pais e professores na importante tarefa da educação dos jovens.

O Colégio Múltiplo Ensino, no bairro do Coqueiral, em Recife, foi uma das instituições onde foi realizado esse projeto. Veja a seguir as fotos da apresentação musical e da coroação da imagem de Nossa Senhora, realizadas com os professores e alunos do estabelecimento.