By

Curso de Férias – continuação

17 a 20 de janeiro de 2018

Nas reuniões e peças teatrais do Curso de Férias, os jovens participantes puderam ver as lutas e provações que acompanham todo homem que deseja viver seriamente sua vocação cristã. Uma metáfora do Prof. Plínio Corrêa de Oliveira ajudou os jovens a compreenderem a importância e a necessidade das lutas na vida espiritual. Dr. Plínio imagina um hipotético marinheiro chamado a conquistar novas terras e traça um paralelo entre os diversos estados de espírito desse marinheiro com os de uma alma chamada a seguir um grande ideal. “Nós partimos para uma grande ‘navegação’, visando não a conquista de terras, mas a do Reino de Maria, a conquista das almas e dos corações para Nossa Senhora.”

Para Dr. Plínio, uma das tentações que pode passar uma alma assim chamada é a de perder de vista o ideal “Assim como há no homem reservas boas, provindas de sua própria natureza, que o levam a atender o convite das asas do anjo, existem também algumas ruins, as quais o induzem a permanecer na inércia. Movido por essas últimas, ele, embora não proteste, pensa: ‘Vou avançar em direção ao bem, mais tarde… ‘”

A fé e a confiança são os grandes sustentáculos para manter a fidelidade em meio à tormentas da vida espiritual. “Quando se é fiel à graça da vocação, juntamente com o imenso desejo de implantar o Reino de Maria, lateja no interior da alma um sentimento que equivale a uma promessa feita mais aos nossos olhos que aos ouvidos: ‘Verás o triunfo de Nossa Senhora. Teus olhos não se cerrarão sem teres contemplado a terra prometida, ou seja, o Reino de Maria. Poderá haver mais demora ou menos, um número maior ou menor de batalhas, pouco importa desde que esta certeza continue em teu espírito”.[1]

A sequência de reuniões e peças teatrais foi encerrada com chave de ouro com a solene entrada da imagem de Nossa Senhora do Bom Sucesso.

No sábado, todos puderam relembrar as graças recebidas nessa semana durante o almoço de despedida. Como lembrança desse dias de abençoado convívio, cada participante recebeu um porta-retratos com uma fotografia da imagem de Nossa Senhora das Vitórias.

[1] CORREA DE OLIVEIRA, Plínio. Nos mares do ideal. In: Dr. Plínio. São Paulo. Ano IX N.101 (Ago., 2006); p.18-23.

One Response to Curso de Férias – continuação

  1. JUDITE CORDEIRO DE FRANÇA CASADO says:

    Fenomenal! A graça que este jovens receberam de estar num lugar que é de fato um pedacinho do Céu aqui nesta terra. O que aprendem num curso desses fica gravado em suas almas pra o resto de suas vidas. Quantas graças! Quantas bençãos! É mesmo o carinho de Nossa Mãe Santíssima para conosco.
    Parabéns a todos que se empenham para doar esses momentos de graça, fortaleza e aprendizado para esses jovens. É um momento impar de evangelização.
    Agradeço a Nossa Senhora que fez surgir para nós os ARAUTOS DO EVANGELHO!

Por favor, deixe um comentário